Você já pensou em produzir o seu próprio alimento através de uma horta orgânica?

Melhor ainda, você já pensou em cultivar alimentos orgânicos na sua própria casa?

Se a sua respostar for SIM para pelo menos uma das perguntas acima, este artigo foi feito para você!

Quais os benefícios de cultivar uma horta orgânica?

Horta Orgânica
Aprenda Todas as Vantagens de Possuir uma Horta Orgânica. Clique na Imagem e Confira!

Sem dúvida, cultivar uma horta orgânica seja em casa, apartamento, ou propriedade de terra, tem inúmeros benefícios, dentre eles:

1 – Cultivar alimentos livres de adubos químicos e agrotóxicos;

2 – Consumir alimentos saudáveis, seguindo as leis da natureza e respeito ao meio ambiente;

3 – Cunho terápico pois para muitos, cultivar um horta é uma terapia.

O que eu preciso ter para iniciar a minha horta orgânica em casa?

Para iniciar o desenvolvimento da sua horta caseira, precisaremos de alguns itens básicos. Como por exemplo:

  • Sementes.
  • Vasos.
  • Substratos orgânicos.

O que inicialmente pode parecer simples, nem sempre é. Mas não se desespere, nós vamos explicar direitinho.

A escolha das espécies vegetais a serem plantadas influenciará no tamanho do vaso a ser escolhido, bem como na qualidade do substrato.

Você não pode simplesmente escolher uma bananeira para plantar em um vaso, não é mesmo?

Sendo assim, se você é um “agricultor urbano” inexperiente dê preferência por hortaliças folhosas, como: alface, agrião, rúcula, coentro, salsa, cebolinha, entre outras.

Estas plantas são mais fáceis de serem cultivadas em casa e, além disso, são ótimas opções como temperos e saladas verdes.

Atualmente, já existem no mercado brasileiro uma infinidade de cultivares de hortaliças adaptadas as mais diferentes regiões e tipos de cultivo.

Outro fator importantíssimo para o sucesso da sua horta orgânica é o tipo de substrato a ser utilizado.

Dê preferência por substratos orgânicos de boa procedência e boa qualidade fitossanitária.

Observe também os teores nutricionais e de matéria orgânica do substrato. Pois, se ele for pobre nutricionalmente a sua plantinha pode demorar a se desenvolver ou pode apresentar sinais de deficiência nutricional.

Entretanto, de modo geral, os substratos orgânicos são bastante ricos em matéria orgânica e nutrientes.

Então, esta não deve ser uma grande preocupação neste momento.

Agora que você já escolheu a planta, o vaso e o substrato adequando, vamos ver o passo-a-passo para o desenvolvimento da sua horta orgânica em casa.

Passo-a-passo para você fazer a sua horta orgânica

Como Fazer Uma Horta
Clique na Imagem e Aprenda Passo a Passo Como Produzir esse Vegetais na Sua Horta

Com todo o material disponível, vamos colocar a mão na massa, ou melhor, a mão na terra.

1º Passo: Providenciar um sistema de drenagem

Se você acabou de adquirir um vaso de plástico, observe se ele é furado no fundo.

Geralmente, os vasos de alvenaria já vêm furados, neste caso, isso não será um problema.

Porém, se o seu vaso for de plástico, existe uma grande probabilidade de ele não ser furado.

Sendo assim, você mesmo pode fazer pequenos furos no fundo dos vasos com o auxílio de uma faca, ou um canivete, por exemplo.

Os furinhos no fundo dos vasos servem para que a água fornecida via irrigação não se acumule e, encharque demais o substrato e as plantas.

2º Passo: Utilizar pedrinhas ou cascalho para preencher o fundo dos vasos

A utilização de pedrinhas no fundo do vaso serve como um complemento ao sistema de drenagem. Desta forma, o segundo passo não é uma recomendação obrigatória.

Para isso, você pode utilizar materiais disponíveis na sua própria casa, como por exemplo: restos de construção, pedrinhas de gramado, cascalho etc.

Este material, quando colocado no fundo do vaso, impede que a água se acumule no fundo do vaso.

O que pode ser um problema em regiões muito úmidas, pois a água em excesso predispõe as plantas ao ataque de uma série de pragas e doenças.

3º Passo: Acomodar o substrato no vaso

Agora que o seu vaso já está com um sistema de drenagem pronto, vamos colocar o substrato.

O substrato deve ser adicionado lentamente ao vaso até que alcance a sua borda.

Em seguida, acomode lentamente o substrato, pressionando-o levemente.

Mas cuidado para não pressionar demais e compactar o substrato.

A pressão deve ser exercida, apenas para evitar a formação de bolsões de ar, os quais atrapalham o desenvolvimento do sistema radicular das plantas.

4º Passo: Plantio das sementes

Muito cuidado ao colocar as sementes nos vasos, muitas pessoas deixam as sementes sobre o solo e não as enterram.

Outra forma seria enterrá-las muito profundamente.

Em ambas as situações, as plantinhas podem não emergir.

Sendo assim, o mais indicado é: colocar as sementes sobre o solo e pressioná-las levemente contra o substrato.

Dessa forma, apenas uma fina camada de substrato fique sobre elas.

5º Passo: Regar

Após todo o passo-a-passo citado acima, as sementes precisarão de água para estimular a sua germinação.

Desta forma, forneça água lentamente ao vaso, de modo que as sementes recém-plantadas não flutuem.

Adicione água até que todo o substrato fique saturado, você perceberá isso quando a água começar a escorrer pelos furos localizados no fundo do vaso.

A manutenção da rega é um dos passos mais importantes no manejo da horta caseira.

Pois, quando a rega é deixada de lado, não há fornecimento de água para as plantas, que secam e morrem.

Entretanto, quando as plantas são regadas em excesso, o substrato ficará constantemente encharcado e as plantas podem não se desenvolver adequadamente.

Sendo assim, utilize o bom senso e, regue as plantas quando o substrato começar a secar.

Dessa forma, se o substrato estiver muito seco e duro, isso é um sinal de que você passou tempo demais sem molhar.

Fique atento a estes sinais e mantenha sempre um suprimento de água constante as plantas.

Quais as melhores hortaliças para plantar?

Hortaliças
Aprenda a Cultivar Hortaliças e Tenha Excelente Alimentação Todo Dia. Clique e Confira

Uma grande dica é iniciar por hortaliças simples de plantar como alface, espinafre, salsinha, cebolinha, manjericão.

Dessa forma, avançando nesse assunto, você pode também partir para plantar e colher vagem, tomates, pepino, acelga, cenoura, e por aí vai!

Conclusão

Em síntese, cultivar uma horta em casa, tem inúmeras vantagens, como o consumo de produtos saudáveis, cunho terápico e além disso economia financeira.

Se você gostou desse artigo e deseja aprender muito mais sobre como montar a sua horta, mesmo morando em apartamento, clique aqui.

Você deve ter percebido que para você ter legumes fresquinhos, saudáveis e hortaliças verdinhas e bonitas, é necessário aprender algumas técnicas.

Então, você pode aprender agora a montar sua horta e ter certeza de comer alimentos saudáveis ou permanecer na dúvida e ainda gastando muito.

SIM, quero aprender a montar minha horta orgânica, cultivar as melhores hortaliças e vegetais e ainda economizar muito dinheiro AGORA!

Não, eu já sei como fazer tudo isso e não necessito de ajuda.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!